Habilidades sociais e Coping em pacientes à espera do transplante de fígado e rim

  • Larissa Beatriz Cossalter
  • Michelle Angotti
  • Nathália Sabaine Cippola
Palavras-chave: coping, habilidades sociais, transplante de fígado, transplante renal

Resumo

Coping é uma resposta cujo objetivo é aumentar, criar ou manter a percepção de controle pessoal frente a uma situação de estresse e um bom repertório social é uma das maneiras de aumentar reforçadores, pois o sujeito é capaz de resolver problemas imediatos e diminui os futuros, respeitando a si e o outro. A presente pesquisa teve como objetivo ava- liar o repertório de habilidades sociais e o Coping de indivíduos que se encontravam na lista de espera do transplante de fígado e rim. Participaram quarenta indivíduos de um hospital público, com idades entre 22 e 68 anos que responderam a dois inventários que avaliavam essas duas variáveis. Os resultados mostraram correlação positiva e baixa entre os dois reper- tórios. Muitos dos participantes possuíam repertório social ruim, com indicação para treino de habilidades sociais. O aumento do repertório social poderia auxiliar no enfrentamento de doenças crônicas, facilitando o engajamento dos pacientes no tratamento.
Publicado
2017-11-16
Como Citar
Cossalter, L., Angotti, M., & Cippola, N. (2017). Habilidades sociais e Coping em pacientes à espera do transplante de fígado e rim. Perspectivas Em Análise Do Comportamento, 8(2), 244-257. https://doi.org/10.18761/PAC.2016.044
Seção
Artigos