Um estudo comparativo entre tecnologias de ensino derivadas da Análise do Comportamento

Autores

  • Vitor Duncan Marinho
  • Karina Lumena de Freitas Alves
  • Priscilla Terumi Moraes
  • João dos Santos Carmo

DOI:

https://doi.org/10.18761/PAC270422

Palavras-chave:

análise comparativa, metodologia de ensino, programação de ensino, ensino-aprendizagem, avaliação de aprendizagem, educação

Resumo

 Com o objetivo de caracterizar as tecnologias de ensino baseadas na Análise do Comportamento quanto aos seus diferenciais e apontar por que um programador de ensino deveria adotar uma ou outra, o presente trabalho apresenta e compara seis dessas tecno­logias: Instrução Programada; Precision Teaching; Direct Instruction; Sistema Personalizado de Ensino; Programação de Condições para o Desenvolvimento de Comportamentos; e Interteaching. Tal comparação é feita a partir do papel dos organizadores e responsáveis pela condução do ensino e do aprendiz; recursos disponibilizados; critérios e meios pelos quais a aprendizagem é verificada; e quais os contextos de aplicação. Dentre as características comuns às tecnologias, e que as caracterizam como tecnologias analítico comportamentais, são desta­cados: o papel ativo assumido pelo aprendiz; a perspectiva do professor como um programa­dor de contingências de reforçamento; o direcionamento do ensino para o uso além da sala de aula; a perspectiva de cada sujeito como único, com seu próprio ritmo de aprendizagem; e ensino a partir de passos graduais. Quanto à aplicabilidade, é visto que cada tecnologia possui peculiaridades que as tornam mais indicadas para alguns contextos do que para outros. Tais análises levam a perspectivas futuras, apresentadas ao final do artigo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-07-12

Como Citar

Marinho, V. D., Alves, K. L. de F., Moraes, P. T., & Carmo, J. dos S. (2022). Um estudo comparativo entre tecnologias de ensino derivadas da Análise do Comportamento. Perspectivas Em Análise Do Comportamento, 13(2), 128–142. https://doi.org/10.18761/PAC270422

Edição

Seção

Artigos